Mãe de alérgico é muito chata

Assessoria de Turismo
Mãe de alérgico é muito chata

Sobre mãe de alérgico, suas aparentes loucuras e infindáveis chatices.

Taí um assunto que sempre se fala, as vezes para a própria mãe mas na maioria delas, pelas costas.

Se você conhece alguma mãe de alérgico, com certeza já pensou nisso… se convive mais de perto com ela ou se ela é sua parente, pior ainda… confessa!  🙂

Mas afinal: POR QUE MÃE DE ALÉRGICO É TÃOOO CHATA???

Vamos fazer uma comparação para entender melhor.

Imagine que você ganhou um diamante em estado bruto raríssimo para cuidar.

Só tem um exemplar dele no mundo todo e confiaram que você cuidaria dele.

mãe de alérgico

É sua missão lapidar, cuidar, transformá-lo no melhor que pode ser.

Deve guardá-lo com sua vida por conta de todos os perigos e até mesmo evitar que se quebre (pois é, diamantes quebram sim!).

Ter um filho é mais ou menos assim.

A nova rotina da casa (ou a falta dela), o cansaço extremo, as cólicas, os choros que não se sabe identificar a razão…

Se identificou com o que estou falando?

Some-se a isso o fato de algo estar fazendo mal a ele e você não consegue saber o que é.

Manchas na pele, coceira pelo corpo, fezes com sangue, aparente resfriado que nunca melhora, internações, informações médicas desencontradas, ou pior… ver seu filho desfalecer em seus braços com choque anafilático.

Não! não é exagero nem terrorismo de mãe de alérgico.

É a realidade de muitas famílias, infelizmente.

mãe de alérgico

Geralmente depois de muita angústia, se tem finalmente um diagnostico: ALERGIA ALIMENTAR.

Um mundo completamente novo e desconhecido porque a divulgação sobre o tema alergia alimentar é baixíssima e normalmente não se sabe nada sobre ela até se deparar com a situação.

Pior, nem sempre os médicos te dão as informações e o suporte necessários para você se sentir segura e iniciar a dieta de exclusão e a nova vida.

É extremamente cansativo e angustiante.

É um período de total exaustão!

Muitas vezes as pessoas não entendem e é comum expressões como:

  • um pouquinho não faz mal,
  • isso não existe,
  • ele vai passar vontade,
  • você está exagerando,
  • meus filhos comeram e nunca tiveram nada,
  • isso é coisa da sua cabeça,
  • lá vem a louca da alergia de novo, entre outras.

mãe de alérgico

Tente se colocar no lugar desta mãe.

Imagine que você está no meio de um turbilhão de coisas e emoções e ainda sendo bombardeada por críticas que não ajudam em nada e te desgastam mais ainda…

Entenda que não apenas a SAÚDE, mas a VIDA do filho dela depende das suas ATITUDES!

Por favor, entenda e respeite o momento desta mãe e desta família.

Acolha! Se ofereça para ajudar caso precisarem… apenas isso já será maravilhoso.

Saber que se tem alguém que se importa e com quem se pode contar…

Dê um tempo para que a nova rotina e a nova vida em família entrem nos eixos e não tenha dúvida que quanto mais amor e disponibilidade você demonstrar, muito mais em troca receberá.

Aprenda sobre o assunto! Se interesse pelo tema! Porque eu te garanto que por um bom tempo, é só disso que essa mãe vai falar… hahaha

Sabe por que ela também fala tanto disso?

Caso alguém descobrir esta condição no seu filho não tenha que passar por tudo que ela passou, pois já teve quem lhe ajudasse antes.

Mães de alérgicos são legais, as pessoas só precisam nos conhecer um pouco melhor!   🙂

Você vai perceber que ela apenas está tentando cuidar da sua cria, como uma leoa do seu filhote.

mãe de alérgico

Por um mundo com mais amor e menos julgamento. <3

Se você tem alguma dúvida ou gostaria que a gente abordasse algum assunto ligado à alergia alimentar, deixe seu comentário aqui embaixo que responderei com prazer.

E mais: compartilhe este texto para que mais pessoas tenham acesso a este tema.

Precisamos falar mais sobre isso!  🙂

 

—————————–

Andreia Cartolari é casada e tem dois meninos. Fundadora da Adapte! Turismo, mudou muitas coisas em sua vida nos últimos tempos em busca de uma vida com simplicidade e muito mais significado.

6 Comentários

  • Milene Martins on 13 de junho de 2017 00:37 Responder

    O preconceito e a falta de inclusão na escola e nos restaurantes são o que mais machuca a gente como mãe. É como disse a reportagem é só um pouquinho, não faz nada. Apenas nós mães e alérgicos sabemos o preço desse pouquinho. Meu nome é Milene Martins, sou mãe do Igor de 4 anos alérgico a leite e ovo ( clara e gema).

    • Andrei Cartolari Palão on 13 de junho de 2017 14:03 Responder

      Nós sentimos isso na pele, não é Milene?
      A creche do meu filho mais novo é super inclusiva e preocupada no bem estar das crianças com restrição alimentar. Isso porque ano passado tinha apenas os meus meninos lá com alergia (de leite e ovo também) mas este ano tem outras crianças. Elas foram super abertas para acolher sobre o assunto e a realidade deles.
      Este ano meu mais velho está em outra escola (particular) e infelizmente temos tido muita dificuldade.
      Restaurantes também é uma maratona para conseguir ir, a gente que fazer um relatório antes! 🙂

  • Vanda on 22 de junho de 2017 04:47 Responder

    Esse texto é muito bom queria que todos que eu conheço paracem para ler. Por que toda hora me falam pra eu colocar minha filha em uma bolha de tanto que eu falo que nao pode isso nao pode aquilo mais s eu entendo o pq.

    • Andrei Cartolari Palão on 22 de junho de 2017 12:17 Responder

      Oi Vanda, seja bem vinda!
      infelizmente isso é super comum, as pessoas não conhecem do assunto e ficam fazendo comentários inapropriados.
      Mas você que é mãe sabe que está no caminho certo e sua filha ainda vai te agradecer por isso!
      Compartilhe este texto com todos que acha que precisam saber disso! 🙂

  • Patrícia on 23 de junho de 2017 20:18 Responder

    Sou mãe de um alergico múltiplo. Enzo tem 5 anos e é alérgico a trigo, milho, leite, amendoim, carne e derivados de porco, cacau, banana, maracujá, abacaxi, morango. Quando comento com alguém me perguntam o que ele come então? Infelizmente só o que faço em casa e com muita restrição. É difícil e doloroso mas como no texto diz, cuido e faço o melhor para ver meu diamante brilhando e assim consigo ter um filho saudável, com um bom crescimento.

    • Andrei Cartolari Palão on 23 de junho de 2017 21:30 Responder

      Os sacrifícios que fazemos por eles é realmente inacreditável.
      Por isso nos incomoda tanto pessoas que não tem conhecimento e que ficam fazendo comentários inadequados.

Deixe um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *